Pages

domingo, 29 de julho de 2012

TOTTENHAM E O DILEMA DE SER GRANDE

 http://farm8.staticflickr.com/7016/6803905503_569d9d63ef.jpg

Parece que novos ventos estão soprando em white hart lane, definitivamente o Tottenham resolveu desafiar os grandes clubes da Inglaterra pelo título. Clube londrino, fundado em 1882, parece viver seu grande momento em uma das ligas mais poderosas do futebol mundial. Desde a temporada 2008/2009, um time que não faz parte do Big Four não faz tanto barulho na Premier League, naquela ocaisão o Hull City teve um período de brilhareco mas nada de muito "grave".

Desde a temporada 2009/2010 os spurs definitivamente começa a incomodar os grandes, mesmo sem o poder de investimento dos milionários Chelsea e Manchester City, sem a força de Manchester United e Arsenal e ainda sem o prestígio do Liverpool, os spurs vem fazendo campanhas que começam a credenciá-los a no mínimo a uma vaga na competição europeia mais importante.

http://2.bp.blogspot.com/-uSlVd925SdE/TgLFXZ3SmYI/AAAAAAAACc4/QRla0TTphyk/s1600/Harry+Redknapp+Manager+Tottenham+2011-2012.jpg

Sob a batuta de Harry Redknapp, o Tottenham alcançou campanhas muito interessantes, sempre no alto da tabela e brigando por vagas em competições europeias; Sempre jogando um futebol ofensivo e bem insinuante, talvez em alguns momentos dessas campanhas tenha faltado um pouco de força, tradição ou mesmo coragem de seu comandante para determinadas situações.

N° da campanha de 2009/2010, quando alcançou a UEFA Champions League:

4° Posição com 67 pts, um a mais que o Manchester City, que já tinha o esboço do grande time que seria campeão 2 anos depois.
Foram 20 Vitórias,  7 Empates e 9 Derrotas; Com 64 Gols pró e 37 Gols contra.

http://1.bp.blogspot.com/_gNCCwf3471g/TNC4ofReBAI/AAAAAAAAEfg/2cBLdlkmD_c/s1600/Tottenham+Hotspur+v+FC+Internazionale+Milano+l9sjrMd7POsl.jpg

Ou seja uma campanha forte e importante de um time que definitivamente se propõe a disputar as melhores vagas da Premier League, já na temporada posterior 2010/2011, não conseguiu o mesmo sucesso, terminou a campanha em 6° lugar ao lado do poderoso Liverpool, mas sempre ressaltando, sem o mesmo poder de investimento, o que lhe deu vaga a UEFA Europa League, competição essa sempre desprezada por Redknapp, um grande erro no meu modo de ver, pois é uma competição europeia importante para um time do tamanho do Tottenham. Prova um pouco a mentatilade dos clubes ingleses, que em geral não ligam muito para esse torneio. Exceção foi o Fulham que em 2009 foi até a final.
Na última temporada conseguiu novamente se colocar entre os principais times ingleses, terminou a competição em 4° lugar a frente do poderoso Chelsea, o que lhe credenciaria a mais uma vez disputar a competição mais importante da Europa, mas deu "azar" pois o título europeu que os blues ganharam fez automaticamente perder o efeito da vaga europeia dos Spurs. Mas mesmo assim ficou a sensação de que faltou algo na hora H, principalmente quando enfrentou o Arsenal no Emirates Stadium, quando tinha 12 pts a frente do rival e sofreu uma virada que ocasionou a perda, futuramente, da posição que ocupava para o rival. Nessa temporada o Tottenham foi considerada a equipe que melhor jogou futebol na Inglaterra pela Federação de futebol.


http://3.bp.blogspot.com/-1qKHZd0TkUk/ToizLFFgZdI/AAAAAAAABGU/c_wVevMYpUU/s1600/Tottenham-v-Arsenal-Kyle-Walker-celeb_2659952.jpg

Para essa temporada, pensando que pode fazer um papel ainda mais forte, principalmente desafiando diretamente seu grande rival de cidade, o Arsenal, coisa impensável em temporadas anteriores, tenta alçar vôos mais altos. O clube se prepara para que nada falte na busca pela desejada vaga a competição mais importante da Europa, talvez o título seja um pouco utópico, pois a concorrencia é desleal. Para tal missão demitiu Redknapp e contratou o André Villas Boas, que outrora chegava ao Chelsea como novo Mourinho, pela campanha absurda que fez com o Porto, agora vai tentar um recomeço no tão competitivo futebol inglês, para tal começaram a chegar jogadores importantes; lista essa que conta com o Zagueiro belga Vertonghen, o meia islandes Sigurdsson e no aguardo da confirmação da permanência de Adebayor e obviamente vai usar a base forte que já tem. O treinador não conta mais com Ben Alnwick, Oscar Jansson, Kudus Oyenuga, Mirko Ranieri e Jesse Waller Lassen. Além disso, outros cinco jovens das categorias de base estão deixando o Whit Hart Lane. Eles abrirão espaço para a entrada de novas promessas no elenco principal, como Jack Barthram, Jonathan Miles, Jack Munns e Kevin Stewart. Apesar da tentativa de saída do meia Modric, jogador que na minha opinião é super valorizado, mas enfim, Tottenham seguirá sua vida tranquilamente.

Time base para temporada 2012/2013:

Friedel; Walker; Vertonghen; Dawson; Ekotto; Parker; Sandro; Bale; Van der Vaart; Rose e Sigurdsson. Téc. André Villas Boas

A estreia dos Spurs na Premier League será dia 18/08 contra o Newcastle em St. James Park.

Será que os Spurs vai voar mais alto nessa temporada? Terceiro título inglês pode ser sonhado pela parte azul e branca do norte de Londres?

http://a3.sphotos.ak.fbcdn.net/hphotos-ak-ash3/548367_10150952512958505_881565573_n.jpg

quarta-feira, 25 de julho de 2012

O DESMANCHE DO FORTÍN


O mais impressionante desse início de temporada na Argentina é o desmanche que vem sofrendo a equipe do Vélez, clube fundado em 1910, usando o inconfundível uniforme branco e azul de Buenos Aires, vem se destacando nas últimas temporadas por fazer grandes campanhas, tanto dentro como fora da Argentina, o El fortín, tem em seu currículo, 8 campeonatos argentinos, 1 libertadores e 1 mundial interclubes .

Base dessa equipe fortinera foi formada após o título conquistado no torneio clausura na temporada 2009, sedimentando o time que mais tarde ganharia o clausura de 2011 e fizesse as ótimas campanhas nas libertadores de 2011 e 2012, sendo que a de 2011 tendo mais sucesso, apesar da eliminação nas semifinais para o Peñarol e em 2012 nas quartas de final para o Santos.

O Vélez conquistou seu sétimo título nacional ao vencer o Torneio Clausura em 2009 ao bater o Huracán na última partida por 1x0, gol de Maximiliano Moralez, um dos destaques da equipe ao lado do zagueiro Sebastián Domínguez. O técnico foi Ricardo Gareca, principal resposnável pela formação dessa equipe que tem um padrão tático bem definido.

Após o Clausura de 2009, obviamente com algumas alterações e saídas durante cada temporada. Barovero, Cubero, Sebá, Papa, Zapata, Fernández, Moralez e Martínez foram base durante os anos. Moralez saiu em 2011. Quando se juntaram Fernández, Zapata, Moralez, Martínez e com boas entradas de Álvarez na equipe.

Mantendo a base da equipe campeã em 2009, o Vélez conquistou seu oitavo título nacional, o Torneio Clausura 2011, com uma rodada de antecedência ao vencer o Huracán por 2x0. O técnico foi novamente Ricardo Gareca e um de seus jogadores mais destacados na campanha foi o atacante uruguaio Santiago Silva

Com as conquistas obtidas de 1993 até a atualidade, o Vélez Sarsfield é considerado como El nuevo grande (o novo grande em espanhol) do futebol argentino o que o coloca no mesmo grupo da equipes Boca Juniors, River Plate, Racing, Independiente e San Lorenzo.

Abaixo estão os times vencedores do Vélez dessas temporadas:

Clausura 2009: Montoya, Cubero, Sebá, Otamendi e Papa. Razotti, Cabrera e Zapata, M.Moralez, Larrivet e López.

Base 2010: Barovero, Cubero, Sebá, Tobio e Papa. Somoza, Fernández e Zapata. Morález. Martínez e Silva.

Base 2012: Barovero, Cubero, Sebá, Ortiz e Papa. Cerro, Zapata, Fernández e Cabral. Martínez e Óbolo.



Para se medir a força desse elenco fortinero, Alejandro Sabella convocou a Seleção Local Argentina para a primeira partida do Super Clássico das Américas (Copa Roca 2011) diante do Brasil, a equipe do Vélez foi o pilar dessa seleção, com os seguintes jogadores no: Sebá como zagueiro, Papa (ala esquerdo), Canteros, Zapata e Fernández e J.Martínez no ataque.

Apesar do desmanche, alguns bons nomes estão a caminho do Vélez, Bons valores como Peruzzi, Canteros, Bella, Cabral. Talvéz o que chega mais cercado de espectativas é o atacante colombiano Jonathan Copete, vindo do independiente de santa fé da Colombia, tem o status de substituto de Martinez.

Chegam: Sebastián Sosa (Boca), Ezequiel Rescaldani (Quilmes) y Juan Sills (Instituto).

Saíram: Marcelo Barovero (River), Víctor Zapata (Independiente), Juan Manuel Martínez, (Corinthians) Fernando Ortíz (Racing), Jonathan Ramírez (Nacional de Montevideo), Leandro Velázquez (San Martín de San Juan), Martín Blanco (Douglas Haig), Ezequiel Cacace, David Ramírez (Godoy Cruz) y Gastón Díaz (Godoy Cruz).

Eis a provável formação do Fortín para a próxima temporada: Sebastián Sosa (Montoya); Gino Peruzzi, Domínguez, Tobio e Papa; Cubero (Augusto Fernández está de saída), Cerro, Cabral e Insúa (ou Canteros); Pratto e Copete


Esse desmanche parace não abalar a estruturas do clube, por se tratar de um planejamento bem sólido de não contratar muito e revelar mais, trata-se de uma base viva e pulsante. Ótima alternativa para fazer bom dinheiro e revalar craques.
Podemos por fim chegar a conclusão que esse desmanche não vai descredenciar o Vélez a uma das melhores equipes do futebol argentino.



Em pé: Ricky Alvarez, Barovero, Sebá, Martínez, Tobio, Zapata, e Ortiz.
Agachados: Razzotti, Silva, Fernandez, e Papa.

La Hinchada de Vélez frente ao Peñarol em 2011, libertadores - semi-final

http://www.youtube.com/watch?v=PJN40djGih4&feature=related

segunda-feira, 23 de julho de 2012

A DIVERTIDA CHAMPIONSHIP


                   
Nesse post, vou falar um pouco da historia da championship e seus campeões, mas no início não era assim como conhecemos hoje. Até a temporada de 2004/2005 o nome dessa competição era diferente, a Football League First Division depois de 1993 e Football League Second Division antes desse ano.

O Football League Championship (também conhecido apenas como The Championship, ou Npower Football League Championship, em referência a seu patrocinador) é a mais alta divisão da Football League inglesa, e a segunda mais alta divisão do sistema de ligas de futebol inglês, depois da Premier League.

Conta com 24 times que disputam o título em modo de pontos corridos em um total de 46 rodadas. Os dois primeiros sobem para a Barclays Premier League e do 3º colocado ao 6º colocado disputam os play-offs. Os vencedores de cada playoff vão para a final e o vencedor de ultimo jogo também é promovido a Premier League. Os três últimos vão para a Npower League one, terceira divisão inglesa.

Em 2004/05 a Football League Championship anunciou um total de publico (incluindo Play-Offs) de 9,8 milhões, isso significava o quarto maior publico da Europa, pasmem, apenas atrás da Premier League (12,88m), La Liga (11,57m) e da Bundesliga (10,92m), mas foi batida pela Serie A (9,77m) e pela Ligue 1 (8,17m) no ajustamento dos números, pois estas competições possuem 20 clubes, enquanto a Championship tem 24 clubes.
http://www.football-league.co.uk/javaImages/6b/7/0,,10794~3737451,00.gif
No dia 30 de Setembro de 2009 a Coca-Cola anunciou que o patrocínio da Football League, terminaria naquela mesma temporada. Em 16 de Março de 2010, a Npower anunciou que seria a nova patrocinadora das competições da entidade, e levaria o nome nas competições (Npower Championship, Npower League One e Npower League Two), como também acontecia com a Coca-Cola.

Prévia da temporada 2012/13

Nessa prévia vou dividir em grupos os times da championship, para facilitar essa análise. Existe um grupo de times que em minha opinião e levando em conta temporadas anteriores vão disputar as duas vagas diretas para premier league existe outro grupo que irá brigar por seis vagas que dão direito à disputa dos playoffs, do qual sairá o terceiro qualificado para a Premier League; Nesses playoffs são um confronto entre 3° e o 6° e 4° contra o 5°, jogos de ida e volta, os respectivos vencedores disputaram um jogo único no mítico estádio de Wembley pela ultima vaga.  Um grupo que eu costumo chamar de "água de salsicha", os que não caem e nem brigam por nada e por fim os que iram lutar para na disputar a league one, terceira divisão inglesa. Vamos a eles, lembrando que isso aqui é apenas uma prévia baseadas em minha opinião.

O 1° grupo, o grupo dos que eu acho que vão brigar para ir diretamente a premier league.

Nesse grupo estão: Bolton, Blackpool, Blackburn, Birmingham e Middlesbrough.
   
O 2° grupo, o grupo dos que vão brigar para entrar na zona de playoffs.

Nesse grupo estão: Leicester, Derby County, Charlton, Nottingham Forest, Watford, Leeds United e Wolvehampton
      
  O 3° grupo, o dos "água de salsicha", pretensões de fazer uma campanha segura ficar sossegado na segunda divisão e nada mais que isso.

Nesse grupo estão, Cardiff, Bunrley, Sheffield Wednesday, Ipswich e Hull city.
Na análise desse grupo, aplica-se o mesmo princípio, todos vão ficar ali nas mesma possibilidades de não cair e dificilmente vão brigar por vagas.

O 4° grupo, o dos candidatos a League one, terceira divisão inglesa.

Nesse grupo estão Huddersfield, Brighton, Bristol City, Millwall, Barnsley e Cristal Palace.
 
Lista de Campeões

Temporada 

Campeão 

Vice-Campeão 

Vencedor do Playoff 


2004/05
 

 
Sunderland 

Wigan Athletic 

West Ham United 

2005/06 

Reading 

Sheffield United 

Watford 

2006/07 

Sunderland 

Birmingham City 

Derby County 

2007/08 

West Bromwich Albion 

Stoke City 

Hull City 

2008/09 

Wolverhampton Wanderers 

Birmingham City 

Burnley 

2009/10 

Newcastle United 

West Bromwich Albion 

Blackpool 

2010/11 

Queens Park Rangers 

Norwich City 

Swansea City 

2011/12

Reading

Southampton

West Ham


A temporada 2012/2013 começará no dia 18/08, como na primeira divisão, todos os jogos disputados no sábado.

Primeira rodada: 


Burnley v Bolton - Turf Moor 

 
Iswich Town v Blackburn - Portman Road 

 
Crystal Palace v Watford - Selhurst Park 

 
Derby County v Sheffield Wed - Pride Park 

 
Barnsley v Middlesbrough - Oakwell 

 
Birmingham v Charlton - St. Andrews 

 
Leicester City v Peterborough - Walkers Stadium 

 
Leeds United v Wolves - Elland Road 

 
Millwall v Blackpool - The Den 

 
Nottm Forest v Bristol City - City Ground 

 
Hull City v Brighton - Hilarius Stadium 

 
Cardiff City v Huddersfield - Millenium Stadium

O restante da rodada você pode acompanhar por esse link que estou colocando abaixo.
 

Site oficial da Npower Championship
 

http://www.football-league.co.uk/page/AllCompFixtures/0,,10794~201200007,00.html